Vida Marinha

28/02/2010 § 1 comentário

Foto wikimedia commons

O ser humano é um bicho muito idiota!! Sério mesmo!! Comentando sobre o ocorrido dessa semana, em que a Orca atacou sua adestradora, os imbecis já estão com shows com as baleias!!!!!

Puxa vida, é tão evidente que a baleia está estressada por viver em um tanque como se fosse um peixinho e os caras colocam outras baleias pra fazer shows. Esses animais, que na verdade não são baleias (ou alguém já viu baleia com dentes????), são parentes dos golfinhos, devido a presença de dentes, posição das narinas, tipo de rostro (é assim mesmo) e outras posições anatômicas, são animais que fazem migrações ao redor do globo (elas passam pelo Brasil, mas lá longe, quase em águas internacionais). Agora imaginem, um bichão daqueles passar dias e dias preso dentro de um buraco, tendo que fazer coisas repetitivas e ninguém sabe se ela gosta de fato do que faz ou se ela só faz pq acha que é a única forma de conseguir comida! É óbvio que só podia dar merda. Vai saber se ela quis brincar com a adestradora de forma um pouco diferente. Pô, ninguém sabe de fato como é o humor desses bichos, então deveriam levar mais a sério a vida dos adestradores e pessoas que convivem com esses animais enigmáticos e, principalmente, a vida desses seres fantásticos!

Infelizmente é o dinheiro acima de tudo! Não sou contra o dinheiro, apenas sei o papel que ele tem nas nossas vidas. Um mero coadjuvante para trocas… pena que muitas pessoas esqueceram o que é viver em comunidade e o colocam como o “bem” mais importante, mais importante que as próprias vidas!! Pensem bem!!! A vida é curta e passa ligeiro! Podemos ter uma vida muito menos ordinária!


Anúncios

Depois de algum tempo!

26/02/2010 § Deixe um comentário

Fala pessoas!

Puxa eu e a Ké estamos muito felizes com o blog e os nossos leitores!!! Faz quase 3 meses que não escreviamos e o blog foi andando sozinho. Muito bom mesmo!!! Muito obrigado pessoal pelo apoio e pelas leituras diárias!

Pois bem, vida nova e novos desafios. 2008 foi um ano complicado e 2009 foi absurdamente complicado, mas foi um ano em que algumas sementes começaram a germinar! Eis que cá estamos em Florianópolis! Realmente a mudança de Porto Alegre pra Floripa se fez necessária e acertada! Impressionante como o pessoal aqui é gente boa e de uma tranquilidade muito interessante. Claro, estamos morando no Santinho, então o pessoal é diferente do pessoal do centro! SIM, existe essa diferença!

Juro que irei atras de mais detalhes para aquarios, embora eu tenha visto que pouco se fala sobre aquariofilia nos meios de comunicações. Mas assim, que eu tiver mais informações as trarei! Claro que eu não escreverei tanto quanto a Kelly, mas prometo que me farei presente!

Abraço a todos!

Historias fortes

26/02/2010 § Deixe um comentário

Ontem revi um desses filmes que, por algo da vida, deletei parte, mesmo sendo um filme ótimo. As Horas (the hours).  Depois de assistir ele, lembrei de outro filme, Sylvia, que conta a vida da escritora Sylvia Plath. Semana passada vimos Shrink, com Kevin Spacey. Os três filmes tem um ponto em comum muito forte: retratam casos de suicídio, análises da vida, profundas, reais.

Na minha família tive alguém muito próximo que se suicidou, não cheguei a conhecer, mas tenho uma ligação muito forte com ele. A dor fica durante muito tempo. Acho que muitas vezes algumas dores não curam, simplesmente as pessoas se acostumam. É realmente forte. E, claro, assistindo a esses filmes, vieram muitos sentimentos à tona. Esses filmes são foda, são ótimos e realmente profundos. Retratam vidas, reais, com suas complicações, nada lineares.

Vale a pena ver. E rever. E sentir que a vida pode ser complicada, mas devemos descomplicá-la para seguirmos em frente.

Pôster

24/02/2010 § 1 comentário

Well, well. Estamos desde novembro sem ver televisão. Com a mudança, empacotamos a TV e aqui descobrimos que uma simples antena não funciona. Não pega mesmo. Decidimos ficar afastados daquelas imagens e notícias punks que vemos todos os dias e estamos sem ver niente. É algo libertador. Com certeza.

Se algum dia voltarmos a ter uma televisão ativa aqui em casa, provavelmente será com canais da TV fechada. E voltarei a ver meus seriados, que sempre curti pra caramba.

No fim do ano passado vi uma criação de posteres magníficos, simples, modernos, que fazem alusão aos seriados de hoje e de ontem. Foram criados pelo designer austríaco Albert Exergian. Ele mesmo fez o briefing das peças e criou, com muita inspiração, esses posteres minimalistas dos seriados. Amei, mesmo daqueles que não conheço.

Quer ver mais? Entra em blanka.co.uk.

Voltamos

24/02/2010 § 6 Comentários

Fazia tempo que não escrevia aqui. Fazia tempo que não fazia algumas coisas.

Entre natal e ano novo tudo foi muito lento e rápido ao mesmo tempo. Parece que tive um mês naquela semana. Depois os dias foram também se prolongando. Oito da noite parecia cinco da tarde. Chegava tarde da noite, não sabia o que pensar, pensamentos borbulhando na cabeça, sem vontade de escrever, só de pensar. Pensar longe. E pensei. Depois de alguns dias, retomei alguns itens básicos da rotina. Faltavam alguns detalhes para fechar um ciclo. Aquele ciclo que deixei na vida passada.

Sim, porque essa vida de agora é uma vida nova. Descubro minhas roupas. A minha pequena coleção de adidas SL que estava perdida, os vestidos que foram pouco usados, os lenços com mil utilidades. Cabelo crescendo, plantas saudáveis, descoberta do que é ter uma casa sem carpete, caminhadas prolongadas, ares salgados. Criatividade à mil.

Consegui me reencontrar, isso que quero dizer. Fazia um tempo que tinha me perdido, sem motivação. O mais novo desafio está sendo vencido: reencontrar eu mesma. Difícil dizer que estava perdida. Adaptação, reorganização de pensamentos, análise do que foi deixado para trás, sentar e pensar: e agora, o que vai mudar?

Mas agora é fácil enxergar e ficar viciada numa vida com mais prazer, mais aventura. Cachorros sorrindo. Noites bem dormidas. Não precisa mudar de casa para tudo isso acontecer. Mas, comigo foi necessário mudar de casa, de cidade, de estado, de visão, de modo de vida. Cara, era tudo o que eu precisava. Sim, podia dar tudo errado, podia acordar aqui e dizer que não era isso que imaginava.

O medo de errar é claro que aparece. Mas não pode dar chance para ele. E sem riscos, nada acontece. Realmente.

Desde que deixamos de escrever no blog, ou seja, ano passado (!!!), muitos amigos escreveram dizendo que deveríamos voltar a escrever e que estavam com saudades dos posts!! Eu também estou, ainda mais quando olhei a estatística do blog, com inúmeros acessos diários. Não somente eu, mas o João também voltará a escrever por aqui. Retomaremos as ideias, os pensamentos, colocaremos tudo publicamente. João voltará a falar sobre os animais, irá tirar as dúvidas sobre peixes, aquários. Eu voltarei a falar de design, da vida, de filmes, livros, de decoração.

Saudades mil de todos. Bjoca.

Ah, acima foto minha e do John. Na praia que moramos, no Santinho, Florianópolis, Santa Catarina, Brasil.

Onde estou?

Você está atualmente visualizando os arquivos para fevereiro, 2010 em .