Morando de aluguel: e a fita gordinha?

11/11/2011 § 2 Comentários

Em todos esses anos morando de aluguel, sempre estive em lugares pequenos, onde tinha que aprender a utilizar bem as paredes para organizar tudo o que tinha. Mas verdade também seja dita, eu amo paredes cheias. Cheias de prateleiras, quadros, tudo o que puderes imaginar. Tenho no mínimo 20 quadros que ainda quero colocar nas paredes e acho que sempre terei um número grande assim no meu estoque, porque nunca me parece demais.

Nessas minhas loucuras de pendurar quadros nas paredes e até lambris, fiz o uso daquela fita gordinha que quase todo mundo conhece, ou melhor, a fita dupla face de espuma. Ela é uma maravilha, não precisa furar paredes e podemos colocar objetos não tão pesados. Cada 10cm de fita suporta até 300gr, o que é bem bacana. Mas tem um detalhe que pouca gente fala: em paredes de alvenaria, ela não sai. Depois de algum tempo de uso, a fita gruda tanto na parede que fica lá. Lembro de fazer mil testes com produtos químicos, vapor de água, etc, nada tira a bendita. E isso não é nada bacana para quem mora de aluguel e deve entregar o imóvel, certo? Já por outro lado, no azulejo sai super bem, sem muito esforço.

Então a dica é simples: mora de aluguel e quer usar a fita? Use somente em azulejo. Na parede de alvenaria não adianta, furar ainda é a melhor solução.

Iluminando

29/09/2011 § Deixe um comentário

E o trabalho continua. Final de semana será de mais trabalho ainda, mas isso não faz a gente parar de ver coisa bacana por aí não?? E essas paredes amarelas? Hein? Abre o ambiente mesmo não? Estou em uma fase que não estou das maiores fãs de em um recinto ter somente uma parede pintada de uma cor diferente. Estou curtindo o ambiente inteiro na mesma cor. E esse amarelo cativa, alegra, ilumina.

Falando em SK8

29/11/2010 § Deixe um comentário

Ultimamente penso em colocar tudo na parede. Desde fotografias, pôsteres, papéis, tecidos para colocar em quadros, objetos em si. E se tem algo que gosto de ver na parede são objetos do dono da casa, ou dos donos. Gosto, gosto, gosto. Fico até cansativa escrevendo isso, mas na casa sempre espero ver a personalidade das pessoas que moram nela, sempre. Gosto de ficar viajando nos objetos das pessoas, de tentar entendê-las melhor, saber por onde foram, o que gostaram, o que gostam.

Quando vi este post no blog Chez Larsson logo guardei para mostrar aqui um modo fácil e muito bacana de colocar um skate na parede. Fazer do objeto uma decoração. Achei super fácil e as fotos são super explicativas. Precisa: quatro madeiras cortadas no mesmo tamanho, quatro ganchos, alguns parafusos ou pregos (da sua preferência), tinta branca para madeira, pincel, alguns furos na madeira e na parede e voilá… porta skates prontos!!!!



Ficou lindo! Simples assim!

Listras na parede (saindo do óbvio)

25/11/2010 § Deixe um comentário

Pintar uma parede listrada não é um dos trabalhos mais fáceis não. Requer muita habilidade, parede lisinha, mão precisa e paciência. Principalmente se as cores forem fortes e toda a hora queiram sair da marcação… Ao mesmo tempo, acho as listras um pouco certinhas demais, duras demais, perfeitinhas demais. Quando vi a imagem acima, parece que achei o que mais gosto deste tipo de pintura na parede: suavidade, tranquilidade, despreocupação com a perfeição, um toque abstrato. Curti e muito! Bem, mas bem despojado.

Que tal?

Tirei do blog lá em casa. A foto é do blog Purple Area.

Um quarto mais colorido

05/05/2010 § 2 Comentários

Semana passada fizemos uma mudança geral aqui em casa. Chovia tanto que entrei em surto psicótico no nosso quarto. Pingava sem parar em cima do nosso armário… isso quer dizer arruinar nosso querido móvel!!! Eis que pegamos uma noite e trocamos tudo de lugar. Tudo mesmo, tirando o escritório, sofreu mudanças substanciais. O quarto foi para o lugar da sala de estar, a sala de estar foi para junto da sala de jantar e o armário foi parar em outra parede e criamos um closet com direito a uma penteadeira! Foi a melhor mudança que poderíamos ter feito e ainda continuamos nesse processo. Os móveis continuam os mesmos, mas a energia é outra, parece que agora tudo flui de um jeito absurdo! PS: fico devendo as fotos, mas ainda estamos no processo durante, entende?

E com outra energia, pensamos em pintar algumas paredes. Pintar paredes é outra forma de mudar muito os cômodos, de um jeito barato, rápido e super eficaz!!!! Fiz algumas pesquisas desde então para o quarto, já que agora ele é muito mais iluminado e maior. Mas não quero aquelas cores clarinhas, de jeito nenhum. Quem me conhece sabe o que penso, que para decoração nada melhor do que cores de verdade, tons fortes. Abaixo algumas imagens para colorir o quarto e o dia (que ali aliás está lindo na ilha!!):

Estou entre as cores acima. Na realidade não quero pintar de beringela, já que acho essa cor perfeita para a sala, como era nosso ap em Porto Alegre. Ah, e pra quem não gosta de colorido, também separei essa imagem abaixo, que na realidade tenho guardada devido a luminária, linda, linda.  Sem contar na mesa de cabeceira que nada mais é do que um nicho:

O que uma cor faz

17/12/2009 § 1 comentário

Semana passada li em diversos sites sobre cor. Li em blogs, revistas. Estou neste momento finalizando um livro que é super colorido e vejo como faz diferença. Não que eu não goste de palha ou branco, só simplesmente amo cores. Quem sabe por ter uma mãe enlouquecida por todas as cores possíveis, quem sabe por querer um mundo mais instigante.

Digo instigante porque nunca sabemos a reação de uma cor na totalidade de um cômodo. Pelo menos eu. Quando pintei o antigo apartamento que morávamos, coloquei um super beringela em duas paredes grandes. O efeito que achava de diminuição do ambiente não apareceu, ao contrário, pareceu mais jovial, moderno e iluminado. Sim, iluminado, pois as paredes brancas ganharam um destaque triplo.

Já no projeto abaixo saiu da mesmice do palha, bege, etc, para entrar uma cor muito forte, ousada e que resultou em um ambiente lindo, confortável e, digamos assim, requintado.

Paredes pretas. Gesso branquíssimo, ao quadrado. Chão novo. Não parece outro lugar???? Tirei do design sponge.

Hall de Entrada astral

23/10/2009 § 2 Comentários

Sexta, aqui alto sol em Porto Alegre. John voltando da trip de Floripa dele, dogs cheios de energia! E em homenagem à toda essa energia boa que está no ar, coloco fotos de um hall de entrada lindão. É só ter paciência, super força de vontade e muita vontade de pintar.

Pintar paredes não é difícil não, só tem que esperar bastante entre uma demão e outra, ter um bom rolo e um pincel, cuidar com o teto e paredes laterias para não borrar (uma boa fita crepe funciona perfeitamente) e tchanammmm, uma casa nova. Já esse hall o pessoal se puxou, hein? E ficou lindo, não?

hallhall 2

Imagens e detalhes do faça-você-mesmo, design sponge.

Onde estou?

Você está navegando em publicações marcadas com parede em .