Interações, elas são importantes

02/08/2016 § Deixe um comentário

Ola pessoal, tudo me paz? Hoje farei uma aulinha de ciências com um dos temas que eu mais adoro, interações!!

Na natureza, temos a tendência de achar que tudo é guerra, onde tudo se resumo a presa versus predador, mas não é!? Mas a grande maioria das interações são benéficas, onde os indivíduos que interagem entre um e outro recebem benefícios. Mas como assim?! É simples, as interações podem ter benefício aos ambos envolvidos, podendo ser uma união para sempre ou momentâneas. Os exemplos podem ser extremos, desde as bactérias que vivem associadas em nosso intestino, cuidando da nossa digestão e absorção dos nutrientes (por isso antibiótico pode ser um verdadeiro veneno para nós, mas isso é um assunto para mais adiante), desde os famosos corais recifais que vivem em simbiose com minúsculas algas e associações como as das duas fotos.Surgeon + CleanerImagem 1: Cirurgião Azul e Elacatinus figaro (Amarelinho com preto) – Foto feita no Parque Nacional Marinho dos Abrolhos

Nesta imagem 1 podemos ver o peixe azul, chamado de Cirurgião Azul (Acanthurus coeruleus) sendo limpado pelo peixinho menor (Elacatinus figuro). Esse tipo de interação é conhecida como limpeza (cleaning em inglês). É comum com algumas espécies de peixes em estágios juvenis, eles realizam a limpeza nos maiores. Também é comum alguns camarões realizarem limpeza em peixes, inclusive em móreas! Outro exemplo, são os peixinhos que ficam na barriga dos tubarões e arraias, chamados de rêmoras, elas apresentam modificações na cabeça e assim, elas podem ficar ligadas a estes peixes, se alimentando das sobras, mas neste caso, o beneficio é para as rêmoras, já que elas não fazem nada aos tubas e arraias.

Dragmacidon+ParazoanthusImagem 2: Zoantídeo (tentáculos laranjas) vivendo sob a esponja (vermelha). Foto feita na Ilha do Xavier, Florianópolis.

Na imagem 2, temos animais invertebrados (não possuem coluna vertebral como peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos). O bichinho com tentáculos laranjas são conhecidos como zoantídeos e o nome científico dele é Parazoanthus swiifti. Ele está vivendo sob uma esponja-do-mar. O nome dessa esponjinha é Dragmacidon reticulatus.  Nesta associação, o zoantídeo tem benefício, pois busca proteção na esponja, já que as esponjas são conhecidas por terem pouquíssimos predadores, muito por causa dos compostos químicos que elas produzem para se defenderem. Afinal, elas não conseguem correr! Esse tipo de associação é o mais comum no ambiente marinho, já que lugar para a ocorrência dessas espécies sedentárias (animais que ficam fixos em um único ponto, sem que haja locomoção, como as árvores) é um recurso escasso, todos os lugares que existem no fundo do mar, já estão ocupados, então as espécies precisam encontrar uma forma de ocorrerem e se alimentarem, sem que haja uma verdadeira guerra!

Abrolhos#Cliona kicking coral assImagem 3: Esponja (laranja) perfurando de dentro para fora o coral cérebro (Mussismilia brasiliensis). Foto feita no Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, Bahia.

Mas claro, também temos interações de competição como a desta imagem 3, onde esta espécie de esponja de um grupo específico (laranja, Cliona delitrix) só ocorre onde têm animais com esqueleto de carbonato de cálcio (muito parecido com o material que formam os nossos ossos), como este coral (Mussismilia braziliensis). A esponja para poder ocorrer nos ambientes, precisa perfurar os corais ou conchas de moluscos. Isso ocorre na fase de larva da esponja. Sim, as esponjas têm uma fase de larva!! Então, a esponjinha vai se desenvolvendo e dissolvendo esse cálcio, tornando-o disponível no ambiente e ajudando outros animais que precisam do cálcio para crescerem. A medida que vai crescendo, ela vai tomando conta do lugar onde estava o coral. Para o coral em si é muito ruim, mas essa liberação do cálcio é importante para o ambiente, então por favor, não vejam com maus olhos. Para que haja equilíbrio no ambiente, é importante que exista um pouco de caos.

Espero que tenham gostado!

Fiquem em paz!

joao_vi

Muitas imagens divertidas e coloridas no instagram!

01/10/2015 § Deixe um comentário

Olá Pessoal, tudo bem?

Vocês já conhecem os nossas contas de instagrams? Então, temos duas contas, uma dos cachorrinhos amados em diversas poses, caras e bocas! Basta clicar no link ou na imagem. O instagram deles é muito divertido, garanto pra vocês!! E a outra conta é a minha, onde coloco diversas fotos de lugares que eu visitei a trabalho ou nós todos ou de criaturinhas que dividem esse planetinha azul conosco! Aproveitem!!!

Os links são: @oscinco e @naturezaemcena

@oscinco nas dunas da Praia do Campeche!

 

Hibiscus#antera_pqno

Flor do hibisco – @naturezaemcena

joao_vi

A Mudança

01/08/2011 § Deixe um comentário

Uma das nossas desculpas por não termos mais escrito por aqui foi a nossa mudança. Morávamos na praia do Santinho, aqui em Florianópolis, uma das praias mais lindas que conheço por aqui, realmente. Mas junto com sua beleza, depois de morar mais de um ano no local, vimos coisas não tão bacanas. O que mais foi difícil para nós foi a distância (40km de tudo praticamente). De início achava ótimo isso, mas com o tempo essa demora para ir para cada lugar ficava cada vez mais cansativo e irritante. Principalmente depois de começarem as obras de duplicação por lá, o que acarretou em trânsitos horríveis no norte da ilha.

Quando realmente batemos o martelo para nos mudar, tudo foi muito rápido. Eu já tinha feito uma super pesquisa de imobiliárias, já sabíamos onde queríamos morar e fomos atrás. Levou duas semanas para acharmos a casa perfeita para nós. Imaginem a correria. Era caixa pra lá, sujeira pra cá, cuidados especiais com os cachorros no meio da confusão, sem contar deixar a casa em perfeito estado (nós mesmos pintamos a casa, limpamos e arrumamos todo o pátio, limpamos a casa, tudo isso nesse meio tempo). Isso sem contar no nosso trabalho diário que não poderíamos deixar de lado!

Depois de um tempo, tu não quer mais morar em qualquer lugar. É, com o tempo a gente fica mais seletivo e não faz loucuras como morar em lugares úmidos pra caramba, ou lugares barulhentos pra caramba, ou super apertados, ou no nosso caso, onde não tenha pátio para nossos dogs. E para a nova morada queríamos 1. uma casa; 2.um pátio individual (aqui as casas costumam dividir terreno); 3. ter dois quartos (tenho home office e o João costuma também trabalhar em casa); 4. ter garagem (aqui também muitas carros são deixados na rua, pois não tem nem lugar para deixá-los nos terrenos); 5. ser uma casa no bairro que queríamos. E, se tivéssemos sorte, ter uma cozinha americana (recém tinha comprado uns bancos lindos para a mesa  da cozinha e não teria onde colocar…), mas isso não era tão importante. Não me importava com o tamanho, poderia ser bem menor do que nossa casa.

E vou contar uma coisa: a casa que encontramos tinha todos esses itens. Era menor do que a outra, mas tinha um plus: dois banheiros. Cara, sério, muito sério. Isso era algo que me incomodava, mas achava meio luxo ter dois banheiros. Aqui em casa a briga é grande, todo mundo quer usar o banheiro na mesma hora, ou um se atrasava mais por causa do outro e assim vai. Quando vimos que teríamos o luxo que nem pensávamos… alegria total! ahahahahha. Lembro somente de me preocupar se a geladeira caberia. Aqui tudo foi feito meio sob medida, entao os espaços são justinhos. A cozinha diminuiu, mas está a nossa cara (em breve colocarei fotos).

Abaixo vou colocar minha lista de sites de imobiliárias de Florianópolis. Foi tão demorado juntar todos os endereços (já que muitos sites nem existiam mais, ou eram imobiliárias ruins), que acho que tenho a obrigação de colocar aqui para todos que estiverem passando pelo que a gente passou, sem saber onde ir, ter uma assessoria legal. Aí vai:

+ imóveis no Campeche e Rio Tavares: Duna Imóveis | Norton Brokers | Ibagy  | Moreno Imóveis |  Imobiliária Personal |

+ imóveis no Campeche, Rio Tavares e Lagoa da Conceição: Aldo Imóveis | Paes Imóveis | Avila Imóveis 

+ imóveis no Campeche: Alici Imóveis

+ imóveis Rio Vermelho, Ingleses e Santinho: Imóveis MM

+ imóveis no Rio Vermelho: Balzano Imóveis

Outros: Giacomelli  | Vida Nova Imóveis | Brogoli Imóveis  | Antonio Simões Imóveis  | Costão Sul  | Abra Imóveis  | San Remo Aluguéis | Silvio Cordeiro  | Imobiliária Reed Andrea Cardoso  | Andi Imóveis 

Novos ares!

01/06/2011 § Deixe um comentário

Então pessoas desse Brasil! Bom dia!!

Gostaria de pedir, a vocês leitores, desculpas pelos poucos posts desde o nosso regresso! Mas estamos em fase final de mudança!!! Sim, desde que chegamos a Florianópolis estamos morando no Santinho e lá se vão 1 ano e meio aqui. Sabe quando chega aquele momento em que dizemos “chega!”, pois é, esse momento bateu em nossa porta a 3 semanas.

O Santinho tem uma das praias mais lindas do litoral brasileiro, sério! É lindo, a água sempre limpa, porém revôlta. E tem o maior Resort de praia do Brasil, o Costão do Santinho. Tirando isso, o bairro se torna um pouco instável. Infelizmente, vem muitas pessoas que não agregam qualidade. Sabe aqueles que vem só pra extrair do local e não agregar? Pois é, aqui é um pouco assim e as relações entre vizinhos se tornam muito complicadas, ainda mais quando se perde a possibilidade de diálogo pacífico.

Então, eis que surge o Rio Tavares, um bairro 30km mais próximo do centro do que o que morávamos e muito charmoso! Apesar de algumas ruas ou servidões (ruas sem saídas, muito característico da ilha) sem calçamento, as casas são muito bonitas e existe organização nas ruas. Mas o principal, nossos amigos todos moram por ali, o que nos fará mais integrado! Estamos muito contentes, apesar da casa ser um pouco menor, mas é novinha e ninguém morou lá ainda. Sim, moramos de aluguel! É muito interessante essa vida, pois temos maior mobilidade e mais escolhas. Claro, sempre há os dois lados. Para nós por hora esta ótimo!

Então…provavelmente, esse será o único post da semana. Ainda pretendo falar muuuito mais da Ilha e dos lugares bacanas pra ir! E principalmente, dos lugares legais pra mergulhar! Estou colocando umas fotinhos minhas para alegrar um pouco!

Abraço a todos!!!

Cavalo Marinho – Ilha do Campeche – Florianópolis

Peixe-Borboleta juvenil – Ilha do Xavier – Florianópolis


Depois de algum tempo!

26/02/2010 § Deixe um comentário

Fala pessoas!

Puxa eu e a Ké estamos muito felizes com o blog e os nossos leitores!!! Faz quase 3 meses que não escreviamos e o blog foi andando sozinho. Muito bom mesmo!!! Muito obrigado pessoal pelo apoio e pelas leituras diárias!

Pois bem, vida nova e novos desafios. 2008 foi um ano complicado e 2009 foi absurdamente complicado, mas foi um ano em que algumas sementes começaram a germinar! Eis que cá estamos em Florianópolis! Realmente a mudança de Porto Alegre pra Floripa se fez necessária e acertada! Impressionante como o pessoal aqui é gente boa e de uma tranquilidade muito interessante. Claro, estamos morando no Santinho, então o pessoal é diferente do pessoal do centro! SIM, existe essa diferença!

Juro que irei atras de mais detalhes para aquarios, embora eu tenha visto que pouco se fala sobre aquariofilia nos meios de comunicações. Mas assim, que eu tiver mais informações as trarei! Claro que eu não escreverei tanto quanto a Kelly, mas prometo que me farei presente!

Abraço a todos!

Falando de mudança…

10/12/2009 § 1 comentário

Gente, mudança é uma coisa boa. Mas só quando tudo já está no lugar! eheheheheh.

Nós fizemos um tipo de mudança com baixos custos… sabe como é né…?! Então começamos com um mês de antecedência a ver tudo o que envolvia toda nossa transferência. Não é fácil gente. Empacotar tudo sozinho, ver caixas, plástico bolha, jornais, trocas de endereço, ver todos os serviços disponíveis onde vai se morar, onde se vai morar,  caminhão de mudança, amigos para ajudar na mudança, entregar apartamento para imobiliária, limpar o apartamento (né Álvaro??), fechar contas de luz, internet, telefone, nossa. Realmente o melhor é estar em férias.

Mas não foi o caso da Ké aqui, muito menos do João. Fazendo cursos, entregando projetos, trabalhando normalmente, tendo três dogs loucos em casa, não é fácil. E no meio disso tudo, encontramos o seu Valdir. É o cara do transporte de toda nossa mudança, fez um preço bacana e foi super atencioso com a gente. Ele adora fazer mudanças entre cidades. Vou deixar o cel dele, pq é garantido e é difícil de achar trabalho bom. O cel dele é 51 9233.5875. Quem estiver fazendo mudança em Porto Alegre e vai para outra localidade, fala com ele. Gente fina e engraçadíssimo.

As caixas conseguimos com o pessoal das rações dos dogs. Bah, caixas tri boas e enormes, sem elas, não faríamos a mudança tão perfeita. Sim, pq nada, NADA quebrou, nada trincou. Agradeço ao Alex da clínica Pio X que forneceu as caixas, baita mão na roda! Lá em Caxias também comprei uma bobina de plástico bolha que foi tri útil, principalmente nos quadros (sem nenhum arranhão gente, fiquei orgulhosa disso) e espelhos.

Tudo isso pra dizer que não sei de onde tiramos tanta força pra fazer tudo. Vivemos em um caos por algum tempo. Quando cheguei aqui (pude viajar somente uns 4, 5 dias depois da mudança), eram só caixas por tudo. Os guris (John e Gustavo) estavam tri cansados e já haviam organizado as piores coisas como: montar armário, carrinhos e colocado as caixas e móveis no seu devido lugar.

Em dois dias, eu e John conseguimos arrumar a casa. 90% das coisas estavam já na parede, na estante, etc. É a vontade de ter uma vida melhor, realmente. Hoje estou hiper orgulhosa da nossa força de vontade. Estou muito feliz e gostaria de que todos os que nos conhecem soubessem disso. Até quem não nos conhece, sentisse a energia boa que está no ar.

Aqui é uma imagem do durante. Durante o encaixotamento lá em Porto Alegre. O caos formado.

E após o caos, saber que da minha janela do escritório, vou ter essa vista (foto abaixo), não tem preço, realmente.

Daí eu sei de onde a gente tira forças! Valeu natureza!

PS: em um dia, durante todo nosso processo, vimos o filme revolutionary road (apenas um sonho). Lembro de ter medo de não conseguir vir para cá. Lembro que pensei: essa é a melhor hora. A hora é agora. Por isso, cara, não deixe mesmo ser apenas um sonho. Tornar realidade é o grande prazer da vida.

Uma vida muito melhor

04/12/2009 § 5 Comentários

Antes de mais nada, neste post devo agradecer. Devo agradecer à todos que nos ajudaram nessa correria que está sendo a nossa vida: Ireno, Claudete, Carraro, Zé, Clarissa, Álvaro, Aquiles, Gabriel, esses últimos que nos ajudaram pra caramba com a mudança, Gustavo Dicki (que ficou até um tempo aqui conosco para colocar tudo em ordem) e todos que mandaram boas energias para que tudo desse certo!

Nos mudamos de casa. Mudamos de cidade. Mudamos de estado. Mudamos de estilo de vida. E isso tudo vem em um processo que já faz cinco anos. Trocamos Porto Alegre por Florianópolis, buscando outra vida, outra forma de ver nosso futuro. Continuo trabalhando para a capital gaúcha, mas agora vou uma vez ao mês para resolver tudo por lá. O João já trabalhava aqui sempre, então só melhorou o processo de trabalho dele.

Já viram o filme Sob o Sol de Toscana? Sinto uma energia muito parecida por aqui. Abdicamos de muitas coisas para podermos viver no estilo de vida que acreditamos. Acreditamos que não precisamos chegar a uma certa idade para vivermos de fato a vida. A vida é agora, é neste momento e sim, tinha muito medo de não aproveitar do jeito que gostaria.

Agora também retomarei o blog, já que tudo está voltando ao normal.

E pensem nisso: não deixem os sonhos para trás. Vale muito a pena ir atrás e ser muito feliz.

Foto acima da praia que moramos: Santinho. Aí embaixo no momento da grande mudança, a Terra dentro de uma das caixas fazendo pose!!!!!

Onde estou?

Você está navegando em publicações marcadas com florianópolis em .