Precisa?

04/08/2010 § Deixe um comentário

Abri meu armário e vi o quanto ele era grande e quanta roupa tinha nele. Comecei a me perguntar se eu realmente precisava de um armário daquele tamanho, já que tinha percebido que metade daquelas roupas eu não precisava. Nós não precisamos de tanto para viver e nos sentirmos bem, só que fomos educados para ter demais, querer além do que precisamos e consumir de forma descabida. Concordo que devemos guardar dinheiro, mas devemos realmente aproveitar a vida e nossa, como a vida passa rápido, isso posso dizer com certeza. Então lembre-se: aproveite a vida, tenha o necessário e esqueça os paradigmas que aprendemos quando pequenos.

Em uma manhã gelada em Caxias, quando recém tinha chegado à serra gaúcha, em um sábado sem sol, com garoa, aproveitei e fui cortar meu cabelo com minha cabeleireira de anos atrás. Não ia lá fazia uns bons quatro anos. E esse diálogo acima, melhor, monólogo, veio da minha cabeleireira. Ela aprendeu muito com a vida e deu algumas aulas para mim durante esses anos de como aproveitar o que a vida tem de melhor. E naquele sábado pude aproveitar e conversar de fatos que sempre me fazem filosofar por muito tempo.

Já escrevi aqui diversas vezes sobre o consumo exagerado que estamos vivendo. E sim, sempre me pergunto: você precisa de tudo o que tens? Ou melhor, precisa de tudo que almeja? Mas precisa mesmo? E neste aspecto de consumo coloco desde aquele sapato bacana, ao móvel da sala, à uma casa própria. Me questiono mesmo sobre minhas reais necessidades. Quero viver na minha realidade, na minha felicidade, no que eu acho que é o melhor para mim e não o que me foi ensinado erroneamente ou o que o sistema me educou. Porque mesmo sendo consciente de tudo o que estamos vivendo, de vez em quando nos perdemos nas próprias filosofias.

O mundo precisa que você saiba o que quer realmente. Vai ser bom para todos, mas honestamente, será para ti. Cada um tem uma necessidade de se conhecer, saber seus limites e suas reais vontades. Quem sabe achar o equilíbrio de tudo isso não era uma boa? Pense bem.

E como a vida é de filosofias em todos os aspectos, depois de muito pensar (porque sou assim, analiso, critico, volto atrás, analiso um pouco mais, essa sou eu) cortei meu cabelo. Minha necessidade é cortar de vez em quando e sempre de uma forma diferente. Porque, aliás, cabelo cresce pra caramba e ter ele curto é a melhor coisa do mundo. E foi nessa imagem que me inspirei para cortar meu cabelo. Ter franja no frio é tri bom!

Mas pense mesmo viu? Pense em tudo o que escrevi acima. Faz bem.

Anúncios

Schwarzkopf nos cabelos!

03/08/2009 § 5 Comentários

Schwarzkopf. Que produtos show. Pois bem, ainda não comprei minha pomada dessa marca, mas como já usei os três produtos abaixo, irei comentar um pouco de cada, já que realmente acho que falando de pomadas e produtos finalizadores, a Schwarzkoft, linha Osis, está no topo.

osis2Osis Dust It pó. Primeiro: adoro a embalagem. É um saleiro gente boa. Tem que passar pouquinho, dura pra caramba. Texturiza os fios, dá volume e deixa um efeito matte e é em pó. Li esses dias um post muito bom sobre o produto. Entra em pronto.cortei.

Osis Thrill Goma. A pomada goma mais clássica. Tri boa fixação, super forte. Foi o primeiro produto da Schwarzkopf que usei e já achei o máximo. Dá uma textura bem legal, mas não muito matte, ou seja, não muito sequinho, tem mais “gordura”.

osis

Agora minha queridinha. Ossis Mess Up. É muito, muito bacana. Design: lata de sardinha. Dura demais, demais. Super matte, dá para moldar super bem os cabelos mais rebeldes, deixa bem sequinho, bem nada de gordura. Vale a pena. E ainda não sei como não tenho. Na realidade sei porque não tenho… acho super caro no Brasil. Variam os valores entre 70 e 120 reais. Lá fora, uns 15 dólares, por aí, até menos. Super diferença de preço né???

Mas fica o toque. Os sites no Brasil tem valores um pouco menores que em salão, mas fica nessa faixa. Vale realmente a pena, principalmente em cabelos curtos e o efeito matte é o melhor! Fica até o final do dia sem gordura, muito bom. Fica a dica gente. Dá pra dar uma enlouquecida geral!!

Utilidade Básica: cera, pomada e gel

23/05/2009 § 19 Comentários

Você sabe a diferença entre cera, pomada e gel para cabelos?

Notei que uma galera não sabe a diferença. Então vamos lá. Utilidade pública e basicona.

As ceras e pomadas tem funções semelhantes, só que na prática, para mim, mudam muito. A cera e a pomada foram criadas a partir do gel. O gel proporciona aquele brilho molhado, que depois pode ficar meio “duro”. Não gosto, nem acho que as pessoas deveriam usar. A cera e a pomada tem poder de modelação bemmm melhor do que o gel, finalizam perfeitamente o penteado. Só que a cera é mais gordurosa do que a pomada, por isso, prefiro a pomada.

Para ficar legal, se passa bem pouco na ponta dos dedos de pomada ou cera, passando no cabelo de cima para baixo, de baixo para cima, tudo depende do que queres fazer. O ideal é sempre colocar mais nas pontas dos cabelos, nunca na raíz. Com os dedos se modela do jeito que quer. Dá para tirar volume, dar volume, dar efeito de “lambido”, etc.

Funciona mais com cabelos mais curtos. Tem diversos produtos, diversas marcas. Os que mais gostei, para minha tristeza, sempre foram importados como Schwarzkopf e Tigi Bed Hair. Da Tigi sempre compro no morangão (como falei neste post). Ele é em bastão, então não precisa nem melecar a mão, coloca direto no cabelo e faz a modelagem que quiser. Tem outras pomadas dessa marca, mas essa aí é a minha favorita. Já Schwarzkopf tem alguns sites brazucas como este, mas nunca comprei ali. Fica super modelado e sem gordura.

Ah, e aposente o gel, pleeease!

Onde estou?

Você está navegando atualmente a Cabelo categoria em .