Descomplicando o bicho

05/08/2009 § 1 comentário

bicho

De manhã. Sempre o Soho, meu cachorro mais simpático que já conheci, começa a chorar pelas 6 da manhã. Levanto, levo ele para a sacada para fazer xixi. Nessa hora as gurias (Duna e Terra) já foram para debaixo das cobertas, bem no meio da cama com o João. O Soho até ensaia ficar na cama, mas logo sai e tem certeza que não quer mais dormir. Assim fica brincando, muito bem humorado, sozinho. Até tenta dormir, mas não consegue.

Quem vê esse cachorrinho mais simpático do mundo em casa não sabe como ele se transforma quando vê outro dog na rua. É um escândalo total. Ele chora, late, rosna, esperneia e alguns tenta dar umas mordidinhas. Tem vezes que brinca, adora. É um cachorro com problemas de sociabilidade. Não tínhamos tido problema com as gurias e ele apareceu para justamente quebrarmos a cabeça para entendê-lo.

Quando pegamos a Duna na praia, ela era bem pequenina, simpática até não poder mais. Foi entrando na casa junto com a gente, sentou na poltroninha de baby que tem lá e ficou de bolinha. O João me chamou, fomos conversar e decidimos adotar, pois não poderíamos colocar mais ela para fora de casa, de jeito nenhum. Assim, ganhei dos guris Gê e Gui, da Livraria O Arco da Velha, o primeiro livro de adestramento que tive. Comecei a querer entender bem o comportamento animal e comecei a adestrá-la por minha conta. Quando chegou a Terra, dois anos depois, não fui tão rigorosa e deixei ela um pouco mais solta. Ela também não tinha grandes problemas, até a Duna, a primeira, tinha tido mais.

Já com o Soho tudo muda de figura. Depois da castração dele (que foi depois de todas as vacinas) é que pudemos ir para a rua. E notamos que algo estava errado com o pequeno. O problema de sociabilidade dele é grande e estamos estudando o máximo para entender e sanar. Até que achei essa coluna, bicho amigo, por Alexandre Rossi, ou para quem conhece, o Dr. Pet. Ali tem muitas ideias bacanas para entender mais os animais, adestrar, deixar ele mais feliz. Sim, pq tenho certeza que essa ansiedade e medo do soho na rua só o deixa mais estressado.

Fica a dica gente. Entrem no bicho amigo e tentem entender seu animal, a vida pode ficar bem mais simples, descomplicando-a.

Hum, o texto acima foi retirado de meus escritos. É bom lembrar um dia de tudo o que passamos. bjs.

Anúncios

Marcado:, , ,

§ Uma Resposta para Descomplicando o bicho

  • Edriana disse:

    Lendo esse post me deu mais vontade de ter outro dog!!

    saudades do meu que se foi =(

    Pena que não posso adotar agora!!!

    E vcs sempre com dicas legal para nos cuidarmos dos nossos amiguinhos!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O que é isso?

Você está lendo no momento Descomplicando o bicho no .

Meta

%d blogueiros gostam disto: